quarta-feira, 5 de junho de 2013

Os meus pais fizeram duas filhas, uma sou eu outra é... ela.

A pita recebeu finalmente a carta do hospital a marcar a consulta de que precisa. Fui eu que a abri e após ler tudo direitinho dei-a para a mão da pita que, depois da sua leitura, faz cara de parva e diz:
Pita: Já viste o nome da minha médica? Que estranho!
Eu: Como é que é?
Pita: Deve ser estrangeiro, não consigo lê-lo muito bem!
Eu: Deixa-me ver. - Li o nome e era notoriamente português. - Não é nada de especial. E é português.
Pita: Tens a certeza? Nunca ouvi, quem é que se chama Ágúêda?
Eu: Quê?
Pita: Ya eu também acho estranho, Ágúêda...
Eu: Sabes que isso se lê Águeda, certo?

Parece que aquele ser super inteligente e já nada criança nunca tinha visto o nome Águeda escrito e achava que se escrevia Ágeda, por isso deduziu que o nome da médica se lia da maneira que escrevi. Que orgulho de inteligência.

1 comentário:

TimTim disse...

irmão são assim xD